França recupera mais 6 corpos e total sobe para 50

Rio de Janeiro, 12 jun (EFE).- O navio anfíbio francês Mistral recuperou hoje seis corpos mais das águas do Atlântico, aumentando para 50 o total recuperado do mar após o acidente do Airbus com 228 pessoas a bordo, informaram as autoridades brasileiras.

EFE |

Os corpos ainda não foram levados para navios brasileiros, por isso que ainda não foram computados nos números oficiais da Marinha e da Força Aérea do Brasil, explicou o brigadeiro Ramon Cardoso, chefe do Departamento de Controle do Espaço Aéreo da Força Aérea Brasileira, em entrevista coletiva em Recife.

Além disso, hoje foram recuperados alguns restos do avião e bagagens dos passageiros.

Os novos corpos recuperados serão levados amanhã à ilha de Fernando de Noronha, primeira base para a identificação das vítimas, e posteriormente, à cidade de Recife, onde serão submetidos à autópsia.

Outros 44 corpos já estão sendo submetidos a diversos exames para determinar sua identidade.

Cardoso disse que as buscas vão continuar amanhã ao noroeste do suposto ponto de queda do avião, no limite das áreas de controle de Dacar e do Atlântico, a 1.300 quilômetros do litoral brasileiro.

As autoridades brasileiras garantiram que as buscas prosseguirão pelo menos até o dia 19, embora poderiam se prolongar todo o tempo que for necessário.

"Trabalhamos com um tempo média de 20 dias, embora dependerá de posições técnicas e da possibilidade de encontrar mais corpos e despojos", relatou o brigadeiro.

Segundo ele, só depois de desprezada a possibilidade de encontrar mais restos, então se darão por concluídas as buscas.

A partir do dia 17, os responsáveis militares manterão reuniões a cada dois dias para decidir se prosseguem as buscas.

No entanto, Cardoso disse que, no plano logístico, o Exército está preparado para continuar uma semana mais, até o dia 25. EFE mp/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG