caso Mabhouh - Mundo - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

França pede explicações a Israel sobre caso Mabhouh

Paris, 18 fev (EFE).- A França pediu hoje explicações à embaixada de Israel em Paris sobre as circunstâncias da utilização de um falso passaporte francês no assassinato de um membro do Hamas em Dubai, em 20 de janeiro passado.

EFE |

Um porta-voz do Ministério de Exteriores declarou que a diplomacia francesa coopera e está "em contato regular com as autoridades de Dubai sobre os avanços na investigação".

Trata-se de Mahmoud al-Mabhouh, dirigente do grupo palestino Hamas, assassinado em um hotel de Dubai em 20 de janeiro passado. Em razão do ocorrido, a Polícia de Dubai emitiu uma ordem de busca e prisão contra 11 pessoas, cujos passaportes falsos incluíam três irlandeses, seis britânicos, um alemão e um francês.

"Os elementos em nosso poder nos levaram à conclusão de que o passaporte em questão é falso", acrescentou o Ministério de Exteriores francês. Além da França, o Reino Unido e a Irlanda também investigam o caso com Israel.

O chefe da Polícia de Dubai, o general Dahi Jalfan Tamin, assegurou que suas investigações revelam que o serviço secreto israelense do Mossad é o responsável do assassinato de Mabhouh. EFE jaf/sa

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG