A França manifestou nesta segunda-feira a profunda preocupação com a notícia de que o Irã testou mísseis de longo alcance e pediu às autoridades iranianas o fim imediato das atividades profundamente desestabilizadoras.

"Pedimos ao Irã que escolha o caminho da cooperação ao invés do caminho da confrontação, cessando imediatamente estas atividades profundamente desestabilizadoras", afirma o ministério das Relações Exteriores francês em um comunicado.

"A França pediu ao Irã que coopere respondendo sem demora às exigências da comunidade internacional para chegar a um acordo negociado sobre a questão nuclear", completa a nota.

jlv-ec/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.