França não acredita em solução militar para conflito afegão

Paris, 8 out (EFE).- O chefe do Estado-Maior da França, Jean-Louis Georgelin, acredita que não é possível ganhar militarmente a guerra no Afeganistão, segundo declarou hoje na rede de televisão Public Sénat.

EFE |

Um general britânico disse que "não se pode ganhar militarmente esta guerra e que não há solução militar para a crise afegã e eu compartilho totalmente dessa opinião", declarou Georgelin.

Questionado sobre a iniciativa do presidente afegão, Hamid Karzai, de abrir espaço ao diálogo com talibãs, o francês disse que se trata "de um dos caminhos e de uma dificuldade" já que é complicado "encontrar interlocutores que tenham representatividade suficiente".

Acho que é preciso "dar a mão ao adversário" declarou o chefe do Estado-Maior na França, que disse ainda que "toda iniciativa no sentido da reconciliação dos afegãos é boa e, portanto, é preciso impulsioná-la". EFE jaf/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG