França envia navio de exploração submarina à zona de busca do Airbus

O navio francês de busca e exploração submarina Pourquoi pas, equipado com dois robôs submarinos, partirá imediatamente para a área onde desapareceu o Airbus da Air France, anunciou nesta terça-feira o Ministério dos Transportes francês.

AFP |

Um comunicado da pasta indica que o ministro "Jean-Louis Borloo deu instruções para que o 'Pourquoi Pas', do Instituto Francês de Pesquisa para a Exploração Marítima (IFREMER), dirija-se imediatamente para a área para ficar à disposição da célula de coordenação do Estado-Maior das Forças Armadas".

Esta embarcação transporta robôs submarinos especializados no monitoramento em grandes profundidades, como o "Nautile" e o "Victor 6000", que podem operar em até 6.000 metros.

A profundidade máxima do fundo do mar na zona de busca do avião desaparecido na noite de domingo para segunda-feira com 228 pessoas a bordo é de cerca de 4.700 metros, indicou à AFP o Serviço Hidrográfico da Marinha (SHOM) em Brest (oeste).

As duas caixas pretas do avião --que registram os dados e conversas dos pilotos durante o voo-- emitem durante um mês um sinal que permite localizá-las a uma profundidade de 6.000 metros.

mm/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG