A economia francesa destruiu quase o dobro de empregos no setor privado no primeiro trimestre de 2009 do que perdeu em todo o ano de 2008, com 187.800 demissões, segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INSEE).

O número de assalariados do setor "competitivo", ou seja, sem contar agricultura e empregos públicos, caiu 100.500 em 2008.

Com os dados do primeiro trimestre de 2009, o total de empregos no setor é de 17,82 milhões, segundo números definitivos do INSEE.

ic/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.