A presidência francesa da União Européia consulta seus sócios para adotar uma declaração de condenação ao reconhecimento por parte da Rússia da independência das repúblicas separatistas da Abkházia e da Ossétia do Sul, declarou nesta terça-feira o Ministério das Relações Exteriores francês.

"Estamos consultando nossos sócios para obter uma declaração da UE na parte da tarde", declarou à AFP o porta-voz da chancelaria, Eric Chevallier.

"Desejamos que vá no sentido de uma condenação desse reconhecimento", acrescentou.

A França, que ocupa atualmente a presidência semestral da UE, havia classificado anteriormente de "decisão lamentável" o reconhecimento pela Rússia desta independência e lembrou seu "respeito à integridade territorial" da Geórgia.

ial/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.