Santiago do Chile, 21 mai (EFE).- O fotógrafo da Agência Efe no Chile Víctor Salas Arenas ficou gravimente ferido no olho direito, após ter sido atingido por um cassetete de um Carabineiro (polícia militar chilena) a cavalo, durante um protesto contra o Parlamento chileno.

Víctor Salas, ganhador do Prêmio Nacional de Fotografia 2007 na categoria imprensa, foi internado no Instituto de Saúde do Trabalhador (IST) da cidade de Viña del Mar, a 120 quilômetros ao oeste de Santiago.

De acordo com o relatório do centro assistencial, Salas apresenta "contusão ocular severa do olho direito com risco de perda funcional e orgânica da visão".

Salas ficou ferido quando cobria nas imediações do Parque Itália de Valparaíso, cidade sede do Congresso chileno, protestos organizados durante a sessão na qual a presidente Michelle Bachelet apresentou o prestação de contas anual perante o Parlamento.

Participaram da manifestação cerca de 2.000 pessoas, a maioria de estudantes e operários.

A direção da Agência Efe no Chile anunciou que apresentará uma denúncia pelo caso de Salas, que pediu a solidariedade de seus colegas da imprensa internacional e nacional do Chile. EFE mw/fb

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.