Fóssil de dinossauro carnívoro gigante é descoberto na Patagônia argentina

Uma nova espécie de dinossauro carnívoro descoberto na província de Rio Negro, no norte da Patagônia argentina, em rochas de 70 milhões de anos, foi apresentado nesta quarta-feira no Museu Argentino de Ciências Naturais Bernardino Rivadavia, em Buenos Aires.

AFP |

O exemplar foi encontrado graças a uma exploração financiada pela prestigiada National Geographic Society, coordenada pelo paleontólogo Fernando Novas, que fez a apresentação do fóssil à imprensa.

O anúncio da descoberta coincide com a publicação de um artigo científico na revista Proceedings of the Royal Society of London.

Os restos do dinossauro, batizado "Austroraptor cabazai", foi descoberto no Baixo de Santa Rosa, onde já haviam sido documentados ossos de grupos de dinossauros herbívoros.

A importância da nova espécie é proporcional a seu tamanho, já que o "Austroraptor cabazai" é um dos maiores raptors já catalogados em todo o mundo. Além disso, a espécie é um dos últimos dinossauros que habitaram a Patagônia, poucos milhões de anos antes da grande extinção do fim do Cretáceo.

O "Austroraptor cabazai" media cerca de cinco metros de altura, apresentava braços proporcionalmente curtos e possuía um crânio achatado e largo, com uma mandíbula de dentes pontiagudos.

Uma cópia em resina de poliéster do esqueleto reconstruído da nova espécie de réptil pré-histórico passará a fazer parte de uma exposição de dinossauros argentinos, que será montada na Europa em 2009, informou a nota oficial.

jos/ap/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG