Fórum Interparlamentar recomenda reforma migratória a favor de haitianos

Panamá, 29 jan (EFE).- O Fórum Interparlamentar das Américas (Fipa), que se reúne por dois dias no Panamá, recomendará uma reforma migratória em seus respectivos países que favoreça de maneira temporária os haitianos afetados pelo terremoto do dia 12 de janeiro, informou hoje uma fonte legislativa.

EFE |

A presidente do fórum de mulheres parlamentares da Fipa, a equatoriana Linda Machuca, disse à Agência Efe que o pedido será incluído na resolução que será expedida no final da reunião do comitê executivo no Panamá.

"As iniciativas de solidariedade de cada um dos Parlamentos da América é plausível, mas achamos que é nossa responsabilidade como legisladores ver outras alternativas que favoreçam os irmãos haitianos", destacou Linda.

A representante da comunidade equatoriana que vive nos Estados Unidos e Canadá dentro da assembleia equatoriana disse que na agenda da Fipa também se prevê analisar o programa anual de capacitação para parlamentares, que será financiado pela Agência Canadense para o Desenvolvimento Internacional (ACDI).

"Com o apoio desta corporação canadense se poderia avançar no programa de capacitação, por exemplo, e em temas como a formação e integração dos órgãos legislativos em cada um de nossos países", acrescentou.

Também está na agenda a realização do fórum de mulheres parlamentares, que se desenvolverá em julho próximo em Quito, Equador; e a assembleia anual da Fipa, que será realizada em novembro no México.

Participam da parlamentares do Brasil, Canadá, Equador, México, Paraguai, República Dominicana, Trinidad e Tobago e Panamá. EFE nes/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG