Forte terremoto sacode cidades na fronteira entre EUA e México

Por Lizbeth Diaz MEXICALI, México (Reuters) - Ruas foram destruídas, prédios sofreram rachaduras e postes de eletricidade caíram nesta segunda-feira após um terremoto de magnitude 7,2 sacudir cidades no norte do México e no sul da Califórnia, mas havia poucos relatos de vítimas.

Reuters |

Autoridades de proteção civil mexicanas disseram que pelo menos um homem morreu em uma casa que desabou e cerca de 100 outras pessoas ficaram feridas no tremor.

Outra pessoa morreu em um acidente automotivo em uma rua escura de Mexicali, uma cidade fronteiriça próxima ao epicentro do terremoto de domingo que estava praticamente sem energia.

Alguns edifícios em Mexicali pareciam ter danos estruturais e muitos tinham rachaduras no assoalho, paredes e janelas quebradas, embora nenhum grande prédio tenha desabado.

Um terminal de importação de gás natural liquefeito operado pela Sempara Energy ao sul de Tijuana não foi danificado pelo tremor, disse uma porta-voz da empresa.

O terremoto destruiu uma rodovia que liga Mexicali à Tijuana, na costa do Pacífico. A via ficou seriamente danificada por uma rachadura de pelo menos um metro, segundo uma testemunha da Reuters.

(Reportagem adicional de Tim Gaynor em Calexico e Robert Campbell e Tomas Sarmiento na Cidade do México)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG