Forças rebeldes congolesas anunciam um cessar-fogo unilateral

As forças rebeldes congolesas anunciaram nesta quarta-feira um cessar-fogo unilateral para evitar o pânico da população de Goma, leste da República Democrática do Congo, segundo comunicado recebido pela AFP em Kinshasa.

AFP |

"O Congresso Nacional para a Defesa do Povo (CNDP) comunica sua decisão de proclamar um cessar-fogo unilateral dos atuais enfrentamentos com a coalizão governamental e a Monuc (Missão da ONU na República Democrática do Congo) na periferia da capital da província de Kivu Norte", assinala o comunicado, assinado pela chefe da rebelião, Laurent Nkunda.

O Conselho de Segurança da ONU havia anunciado que se reunirá com urgência nesta quarta-feira à tarde para discutir a situação na República Democrática do Congo.

Os combates com armas pesadas haviam sido retomados nesta quarta-feira entre as Forças Armadas congolesas (FARDC) apoiadas por helicópteros da ONU e os rebeldes sob o comando do general tutsi congolês deposto Laurent Nkunda no leste da República Democrática do Congo (RDC, antigo Zaire), onde dezenas de milhares de civis foram obrigados a fugir.

hc/dm/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG