Forças especiais americanas libertaram na semana passada um civil americano que trabalha para o Corpo de Engenheiros do Exército no Afeganistão e mataram seus dois captores, confirmou nesta quinta-feira uma fonte dos Estados Unidos.

O civil, que foi seqüestrado em agosto, mas cuja identidade não foi revelada, foi libertado numa operação de resgate em 14 de outubro, a uns 48 km a oeste de Cabul, segundo uma fonte militar.

jm/mdl/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.