AP no Iraque - Mundo - iG" /

Forças dos EUA anunciam libertação de fotógrafo da AP no Iraque

Washington, 14 abr (EFE) - O fotógrafo da agência de notícias AP Bilal Hussein, sob custódia das Forças Armadas dos Estados Unidos no Iraque há dois anos, será libertado nesta quarta-feira, anunciou hoje a Coalizão Multinacional nesse país.

EFE |

Em comunicado, a coalizão indicou que a decisão foi tomada depois que os comitês judiciais iraquianos concederam a Hussein a anistia por todos os crimes dos quais era acusado.

"Depois da decisão tomada pelos comitês judiciais iraquianos, revisamos a situação de Hussein e determinamos que já não representa uma ameaça imperativa à segurança", disse o general Douglas M.

Stone, que assinou a libertação.

Hussein, um cidadão de origem iraquiana de 36 anos, começou a trabalhar para a "AP" em 2004 e fotografou várias cenas em Faluja e Ramadi, territórios nos quais tinha ocorrido uma grande atividade insurgente, antes de ser detido em casa por tropas americanas.

O fotógrafo foi preso pelas forças americanas em abril de 2006 por supostas ligações com grupos insurgentes, algo negado tanto por Hussein quanto pela "AP", que afirmam que o jornalista apenas fazia seu trabalho.

O presidente da agência de notícias, Tom Curley, expressou sua satisfação com o anúncio e indicou que querem Hussein "são e salvo e reunido com sua família".

"Embora não estejamos de acordo com as Forças Armadas neste assunto, chegou o momento de deixar isto para trás", acrescentou.

EFE mv/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG