Forças de segurança matam 2 líderes rebeldes no Paquistão

Islamabad, 5 out (EFE).- As forças de segurança paquistanesas mataram hoje dois líderes rebeldes, depois de terem sido atacadas por um grupo de extremistas, no Vale do Swat (norte), informou à Agência Efe uma fonte militar.

EFE |

O porta-voz do Exército Murad Khan disse que um grupo de insurgentes atacou na manhã de hoje as forças de segurança na região de Matta Tehsil.

As forças de segurança responderam ao ataque e mataram dois "importantes" líderes dos insurgentes, identificados como Ayub e Amir Zeb.

Khan acrescentou que, neste momento, a situação na área está sob controle.

Por sua vez, o canal "Geo TV", sem especificar suas fontes, informou que um comboio das forças de segurança foi atingido pela explosão de uma bomba ativada por controle remoto.

Segundo a emissora, vários veículos foram danificados no ataque.

EFE igb/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG