Forças de segurança do Irã detêm 3 membros de grupo armado sunita opositor

Teerã, 17 jun (EFE).- As forças de segurança iranianas detiveram três membros de um grupo sunita opositor ao regime islâmico xiita de Teerã e acusado pelas autoridades de estar por trás de vários atentados com explosivos no país, informou hoje a agência Isna.

EFE |

As três pessoas, membros da organização Jundallah (Exército de Alá), dirigida por Abdul Malek Righi, foram detidas durante uma operação policial na província do Sistão-Baluchistão (sudoeste), onde as forças confiscaram armas e material explosivo.

Os detidos tentavam introduzir material para ações de sabotagem na cidade de Khash, em Sistão-Baluchistão, afirmou o coronel Ahmad Taheri, porta-voz da Polícia nessa região.

Nessa mesma província, na fronteira com o Afeganistão e o Paquistão, e reduto de traficantes de drogas e grupos armados, as autoridades executaram ontem um membro do Jundallah, acusado de ter participado de dois atentados com explosivos que causaram a morte de duas pessoas. EFE msh/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG