Forças Armadas matam 17 talibãs no Afeganistão

Cabul - Pelo menos 17 homens, apontados pelo governo do Afeganistão como integrantes de milícias talibãs morreram em diferentes confrontos no sul e no leste do país, nas últimas 24 horas.

EFE |

Oito deles morreram no sábado em um bombardeio de um avião da Organização Tratado do Atlântico Norte (Otan) no distrito de Nawa, que fica na província de Helmand, no sul do país, informou à agência Efe o porta-voz do governador provincial, Daoud Ahmadi.

Os talibãs foram descobertos pelos serviços secretos afegãos, armados a bordo de um veículo, disse o porta-voz.

Outros seis morreram em tiroteio no distrito de Dand, dentro da província de Kandahar, também no sul, disse à Efe o vice-comissário da Polícia provincial, Abdullah Khan.

Segundo ele, os talibãs atacaram uma patrulha policial, ferindo dois agentes, mas os policiais pediram reforços e os seis foram abatidos pelo Exército afegão e por tropas da Otan.

Além disso, o Ministério do Interior afirmou que, com apoio de tropas internacionais, matou três talibãs no distrito de Sabari, na província oriental de Khost.

    Leia tudo sobre: talibã

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG