Os Estados Unidos mudarão no próximo ano o nome das forças estrangeiras mobilizadas no Iraque, já que todos os demais países da coalizão que invadiu este país em 2003 já retiraram suas tropas do país.

Depois da retirada no mês passado dos contingentes da Grã-Bretanha, Romênia e Austrália, os únicos que permanecem agora são os militares americanos, 130.000 no total, dentro da denominada Força Multinacional Iraque (MNF-I).

A partir de 1º de janeiro de 2010 passará a ser chamada Força dos Estados Unidos no Iraque (USF-I), anunciou o comandante José Lopez, porta-voz militar.

A coalizão já passou por outra mudança de nome. De junho de 2003 a maio de 2004 se chamou "Combined Joint Task Force 7", antes de ser batizada MNF-I.

Inicialmente era integrada por quase 40 países, mas começou a ser reduzida a partir de 2004.

psr/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.