Foco de listeriose em carne bovina mata uma pessoa no Canadá

Toronto (Canadá), 20 ago (EFE) - Uma pessoa morreu no Canadá após consumir carne bovina infectada com a bactéria Listeria, o que obrigou o fechamento de uma fábrica processadora da companhia Maple Leaf Foods, uma das maiores empresas de produtos alimentícios do Canadá. Também causou a retirada de vários carregamentos de carne que estavam prontos para ser enviados a estabelecimentos comerciais. As autoridades sanitárias canadenses também disseram que outras 17 pessoas foram infectadas pelo foco de listeriose, uma doença que normalmente afeta animais, mas que pode ser transmitida aos seres humanos através de produtos de carnes e lácteos. A maioria das infecções foi detectada na província de Ontario, a principal do país. Outros dois casos foram registrados na de Colúmbia Britânica, um em Saskatchewan e o último em Québec.

EFE |

O Ministério da Saúde de Ontário disse que a infecção foi descoberta de forma casual, quando ficou comprovado o elevado número de casos de listeriose durante o mês de julho.

A Agência de Inspeção Alimentaria de Canadá (CFIA, em inglês) acrescentou que a maioria dos carregamentos infectados foi distribuída em restaurantes, residências para a terceira idade e hospitais.

As pessoas com mais risco de contrair a doença são idosos, crianças pequenas e pessoas com o sistema imunológico debilitado.

EFE jcr/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG