Miami, 4 nov (EFE) - A jornada eleitoral na Flórida, nos Estados Unidos, ocorre com uma alta participação e alguns problemas menores detectados em vários colégios eleitorais, que, no entanto, não atrapalharam a votação.

As autoridades do Departamento de Eleições da Flórida afirmam que os problemas se centraram na perda de algumas cédulas de votação e no mau funcionamento das máquinas leitoras dos resultados.

Após uma alta participação na votação antecipada que começou em 20 de outubro e terminou no domingo passado, hoje quase não houve longas esperas nos centros de votação.

Dos 11,2 milhões de eleitores registrados na Flórida, 23% já tinham votado nas duas semanas anteriores, e, por isso, hoje não foram vistas grandes filas na maioria dos colégios eleitorais.

A participação nas votações antecipadas superou as expectativas, com cerca de 4,3 milhões de votos registrados, entre os emitidos via correio e os depositados nos centros eleitorais.

Após os graves problemas observados nas eleições de 2000, o sistema eleitoral da Flórida se modernizou, com máquinas de leitura óptica que facilitam a apuração dos votos.

Há oito anos, o sistema eleitoral da Flórida registrou falhas, devido às muitas irregularidades verificadas em vários condados que obrigaram à anulação de milhares de votos e a uma batalha legal que acabou na Corte Suprema dos Estados Unidos.

Os votos anulados foram causados fundamentalmente a que milhares de cédulas não foram devidamente perfuradas e, por isso, as máquinas não puderam contabilizá-las.

Já há quatro anos, o processo de eleição antecipada começou com certas irregularidades e, apesar do uso de um sistema novo, houve atrasos de horas por problemas na conexão dos computadores.

A situação hoje parece bem diferente e, pouco após exercer seu direito ao voto, o porto-riquenho Javier García explicou à Agência Efe que demorou apenas quatro minutos para votar, o que, em sua opinião, comprova que o sistema de votação melhora a cada eleição.

EFE esc/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.