Flórida executa condenado por estupro e assassinato

Miami, 17 jul (EFE).- O Governo da Flórida anunciou a execução de John Richard Marek, de 47 anos, condenado à morte por sequestrar, estuprar e assassinar Adella Marie Simmons em 1983.

EFE |

Simmons viajava com uma amiga em uma estrada do condado de Broward, ao norte de Miami, quando seu carro quebrou. Marek parou para ajudá-la, prometendo levá-la a um posto de gasolina.

Mas ele e um amigo, Raymond Wigley, levaram a mulher a uma praia, onde ela foi estuprada e estrangulada com um lenço, de acordo com o relatório policial.

Wigley foi assassinado na cadeia em 2000, quando cumpria prisão perpétua pelo caso.

Ele escapou da morte em maio graças a uma manobra dos advogados, mas o Tribunal Superior da Flórida decidiu manter a ordem de execução.

Marek receberá a injeção letal às 20h (Brasília) do próximo dia 19 de agosto, na prisão estadual de Starke, no norte do estado. EFE sob/dp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG