Flórida confirma 2 casos de gripe suína e estuda outros 8

Miami, 1 mai (EFE).- O governador da Flórida, Charlie Crist, informou hoje que há dois casos confirmados de gripe suína no estado e que oito amostras suspeitas foram enviadas aos Centros de Prevenção e Controle de Doenças (CDC, em inglês) dos Estados Unidos, com sede em Atlanta.

EFE |

Crist explicou que um dos casos confirmados foi registrado no condado de Broward, ao norte de Miami, e que se trata de uma jovem de 17 anos, estudante do colégio de ensino médio Hallandale High School.

Já o segundo caso é de uma criança de 11 anos do condado de Lee, na costa leste, do colégio Spring Creek Elementary School.

Em entrevista coletiva, o governador anunciou que instruiu a cirurgiã-geral da Flórida, Ana Viamonte, para que declare emergência de forma a permitir adotar qualquer ação que seja necessária para proteger a saúde dos cidadãos.

Até o momento, não foi ordenado o fechamento de escolas no estado.

Na mesma entrevista coletiva, Viamonte disse que espera um aumento no número de afetados nos próximos dias, e, por isso, está pedindo aos médicos que mantenham em observação os doentes e relatem os casos com sintomas similares aos da gripe suína, especialmente se os pacientes estiveram em lugares onde se apresentou o surto.

Ela acrescentou que a Flórida recebeu provisões de remédios antivirais dos CDC.

Por sua parte, o Departamento de Saúde do condado de Miami-Dade informou que 20 casos suspeitos da gripe foram descartados após serem submetidos à análise. EFE so/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG