Finul encontra 12 caixas com explosivos no sul do Líbano

Beirute, 27 dez (EFE).- A Força Interina das Nações Unidas para o Líbano (Finul) informou hoje que vários capacetes azuis acharam ontem à noite 12 caixas com explosivos no sul do país que foram abandonadas por cinco desconhecidos que fugiram.

EFE |

A existência desses explosivos, afirmou a Finul em comunicado, representa uma "violação clara da resolução 1701" do Conselho de Segurança da ONU, que pôs fim à guerra de 34 dias em 2006 entre Israel e a milícia xiita Hisbolá.

Ontem à noite, às 20h40 local (16h40 de Brasília), uma patrulha de "capacetes azuis" que circulava na parte sul da cidade de Jiam detectou cinco pessoas suspeitas.

Quando os soldados da ONU se aproximaram dos desconhecidos, estes fugiram aproveitando a escuridão, mas deixaram atrás deles uma grande quantidade de explosivos, acrescentou o comunicado da Finul.

O comunicado da Finul também diz que tinham informado imediatamente ao Exército libanês, que se uniu aos esforços para procurar os desconhecidos.

A nota da Finul, divulgada pela Agência Nacional de Notícias, não esclarece que tipo de explosivos havia nas caixas, embora fontes militares consultadas pela Efe disseram que se tratava de TNT. EFE ks/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG