Fim de impasse sobre gás russo está nas mãos de Yushchenko

Kiev, 10 jan (EFE).- A assinatura do protocolo sobre o acompanhamento por observadores russos, ucranianos e internacionais do envio de gás russo, por território ucraniano, para a Europa está pendente do presidente da Ucrânia, Viktor Yushchenko, disseram à Agência Efe fontes governamentais de Kiev.

EFE |

Yushchenko deve se reunir em breve com o primeiro-ministro tcheco, Mirek Topolanek, que exerce a Presidência de turno da União Européia (UE) e que é esperado ainda hoje em Moscou pelo premier russo, Vladimir Putin.

A Rússia exigiu o estabelecimento de um mecanismo de controle internacional sobre a passagem de gás russo pela Ucrânia como condição para retomar o abastecimento aos países europeus através do país vizinho, suspenso totalmente desde quarta-feira passada.

Para restabelecer o envio, a Rússia exige a assinatura do protocolo sobre o sistema de controle e o desdobramento de observadores nos pontos de entrada e saída, assim como nos depósitos de gás em território da Ucrânia.

Por enquanto, os observadores permanecem na capital ucraniana, Kiev, à espera da assinatura do protocolo.

A primeira-ministra ucraniana, Yulia Timoshenko, já havia declarado ontem que a Ucrânia estaria disposta a assinar o protocolo proposto pela Rússia. EFE bk/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG