Filhos de Betancourt prometem manter campanha pela libertação de reféns

Melanie e Lorenzo Delloye, filhos da recém-libertada Ingrid Betancourt, se comprometeram nesta quinta-feira a continuar atuando pela libertação dos reféns que ainda permanecem em poder das Farc, após o reencontro com sua mãe em um aeroporto militar de Bogotá.

AFP |

"Seguimos pensando nas famílias daqueles que permanecem seqüestrados. Não os esquecemos e vamos seguir (lutando) por eles. Lembro das imagens dos libertados em janeiro e fevereiro e estava tão feliz por eles, mas pensava em minha mãezinha", assegurou Melanie, em declarações a jornalistas.

"Agora estamos emocionados, mas pensamos nos que ficaram e agora temos que atuar para que sejam eles os libertados", acrescentou.

Já Lorenzo declarou que sente "muita felicidade ao abraçá-la novamente" e de se dar conta que ganhou "um combate pela liberdade". E concluiu: "Mas ainda há seqüestrados na selva e por eles não vamos parar, porque a liberdade é muito importante".

Os filhos de Betancourt elogiaram a operação por meio da qual o Exército conseguiu resgatá-la, junto com três norte-americanos e onze militares colombianos e agradeceram ao presidente Alvaro Uribe, a quem chegaram a criticar duramente ao longo dos seis anos de seqüestro de sua mãe.

"Sempre fomos contra as operações militares porque eram a sangue e fogo, mas esta não foi uma operação militar, e sim de inteligência, o que é diferente e foi feita de maneira perfeita. Todos estão vivos, graças a Deus, e isso era o que pedíamos desde o início", concluiu Melanie.

Entenda

Saiba mais sobre Ingrid

O Resgate

Imagens

Repercussão

Opinião

Leia também:

    Leia tudo sobre: betancourt

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG