Filho de Ted Kennedy dá entrada em clínica de desintoxicação

Washington, 12 jun (EFE).- O congressista Patrick Kennedy, sobrinho do presidente John F.

EFE |

Kennedy (1961-1963) e filho do senador democrata Edward "Ted" Kennedy, anunciou hoje que entrou em uma clínica de desintoxicação para combater a depressão e os problemas com o álcool dos quais sofre há anos.

A luta do congressista, de 42 anos, contra as drogas se produz em um momento em que seu pai enfrenta um câncer de cérebro há um ano.

Patrick, que se transformou, aos 21 anos, no membro mais jovem do clã a ser eleito para um cargo público, é representante democrata na Câmara Baixa pelo estado de Rhode Island.

Em comunicado, ele anunciou a decisão de deixar por uma temporada suas responsabilidades no Capitólio para tentar superar o vício, no que qualificou de um "processo de toda a vida".

"Decidi temporariamente me afastar de minha vida cotidiana para ter certeza de que vou me estabilizar em minha recuperação", disse o congressista no comunicado.

Patrick não revelou o centro escolhido para a reabilitação, nem quanto tempo ficará internado.

Esta não é a primeira vez que ele recebe ajuda profissional para se recuperar. Há três anos, foi tratado do vício em remédios e em álcool após sofrer um acidente de trânsito nas proximidades do Capitólio em Washington.

Após o acidente, ele foi internado em um programa da clínica Mayo de Minnesota e chegou a um acordo para se declarar culpado de dirigir sob os efeitos de comprimidos. Patrick foi condenado há um ano de liberdade condicional. EFE elv/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG