A filha mais velha de Elisabeth Fritzl, a austríaca que ficou 24 anos presa no porão do próprio pai, saiu do coma, informaram nesta terça-feira os médicos do hospital de Amstetten. O porta-voz do hospital disse à BBC que Kerstin Fritzl, de 19 anos, está consciente.

Ela saiu há alguns dias do coma e da unidade de tratamento intensivo, mas ainda está sob intenso cuidado médico e terapêutico.

AFP
Internação de Kerstin foi o que levou à prisão de Fritzl
Internação de Kerstin foi o que levou à prisão de Fritzl
A internação de Kerstin Fritzl em abril foi o fato que levou as autoridades austríacas a tomarem conhecimento do caso de Josef Fritzl, o aposentado da cidade de Amstetten que manteve sua filha Elisabeth presa por mais de duas décadas no porão de casa.

Durante o período, Josef abusou sexualmente de Elisabeth repetidas vezes. Kerstin é a mais velha dos sete filhos de Josef com Elisabeth. Um dos filhos morreu.

O porta-voz do hospital não confirmou e nem desmentiu a informação de que Kerstin estaria na companhia da mãe e dos cinco irmãos.

Segundo o porta-voz do hospital, mais dados sobre a situação de Kerstin Fritzl e dos demais integrantes da família devem ser divulgados na quarta-feira.

Josef Fritzl, de 73 anos, está preso, aguardando indiciamento. Elisabeth e seus filhos estão isolados em uma clínica.

Leia também:

Leia mais sobre: seqüestro

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.