Filha de jornalista de canal do governo de fato é morta em Honduras

A filha de uma jornalista do Canal 8, ligado ao governo de fato hondurenho, foi assassinada em seu carro por homens que dispararam de uma motocicleta num subúrbio de Tegucigalpa na noite de terça-feira, informou a polícia nesta quarta-feira.

AFP |

Katerine Nicolle, de 16 anos e grávida, viajava com seu marido e outras duas pessoas no carro de sua mãe, a jornalista Carolina Cabrera, quando foram atacados, mas por ora não há evidências de que o crime teve motivação política, informou a polícia.

O bebê que ela esperava foi salvo e permanece internado sob cuidados intensivos. Os outros passageiros estão fora de perigo.

Honduras tem uma alta taxa de crimes, com uma média de 12 homicídios por dia.

nl/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG