Filha de chefe da Camorra é procurada por matar jovem no Ano Novo

Roma, 3 jan (EFE).- A Polícia italiana está a procura de Manuela Terracciano, filha de um conhecido chefe da Camorra e apontada como a autora dos tiros dados para o ar que mataram um jovem durante as comemorações de Ano Novo em Nápoles (sul), informa hoje a imprensa local.

EFE |

Nicola Scarpa, de 24 anos, morreu na virada do ano depois de ter sido atingido por um tiro na cabeça enquanto estava na varanda de casa.

Na mesma noite, algumas testemunhas viram a filha do mafioso Salvatore Terracciano com uma arma na mão e dando tiros para o ar, razão pela qual as autoridades ordenaram a detenção da jovem por homicídio involuntário.

A imprensa acrescenta que Manuela, de 23 anos, está em paradeiro desconhecido e que sua "poderosa" família pode ajudá-la a se livrar de uma possível detenção.

Atualmente, Salvatore Terracciano está preso por tráfico de drogas e extorsão.

Por sua vez, Antonio Puglisi, chefe da Polícia de Nápoles, pediu hoje, sem citar nomes, que pessoa que está sendo acusada pelos disparos se entregue o mais rápido possível. EFE ccg/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG