Fidel pede que bolivianos apoiem reeleição indefinida

Caracas, 11 fev (EFE).- O ex-governante cubano Fidel Castro elogiou o presidente venezuelano, Hugo Chávez, nas vésperas do referendo de domingo sobre a reeleição indefinida, e pediu que o povo bolivariano esteja à altura do momento histórico vivido pelo país.

EFE |

Chávez leu alguns trechos de uma carta divulgada hoje por Fidel, entregue pelo embaixador cubano em Caracas, Germán Sánchez, em um ato oficial transmitida pela TV local.

"Querido Hugo, você fez um esforço mental e físico incrível e merece a vitória como ninguém. Falta pouco agora, você sabe disso, e espero que o povo bolivariano faça um esforço supremo à altura desse momento histórico", leu Chávez na carta.

O presidente venezuelano mostrou a assinatura de Fidel, "para os que dizem que ele está morrendo", e precisou que quando o líder cubano "fala de vitória se refere à vitória dos que apoiam a emenda à Constituição, que é a vitória de todos".

No próximo domingo, aproximadamente 17 milhões de venezuelanos poderão aprovar ou rejeitar uma emenda constitucional para que os cargos de escolha popular não tenham mais limite de reeleição. EFE rr/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG