FHC diz que é impossível imaginar mundo sem drogas

Rio de Janeiro, 21 ago (EFE).- O ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso afirmou hoje, durante um debate no Rio de Janeiro, que é impossível imaginar um mundo sem drogas e pediu que esse tabu seja quebrado, para que o problema possa ser enfrentado.

EFE |

"Pensar em um mundo sem drogas é imaginar que possa existir um mundo sem sexo. Vamos quebrar o tabu, pois assim como o uso do preservativo já foi um tabu, hoje defendemos o sexo seguro", afirmou Fernando Henrique, durante seu discurso na primeira reunião da Comissão Brasileira sobre Drogas e Democracia (CBDD).

O ex-presidente disse ainda que "agora devemos buscar reduzir os danos que as drogas causam na sociedade e, para isso, é necessário que a população tome consciência e devemos dar suporte aos dependentes químicos", que devem ser tratados pela rede de saúde pública.

"A educação e a mudança de mentalidade são fortes estratégias de prevenção ao consumo de drogas", disse.

Para a pesquisadora Celia Morgan, citada pela "Agência Brasil" e que apoia as iniciativas europeias de legalização do consumo, as drogas lícitas como o álcool e o cigarro podem ser mais nocivas que muitas das proibidas.

Já o economista Peter Reuter, da Universidade de Maryland, afirmou que a legalização das drogas diminuiria a criminalidade, mas aumentaria o consumo e o número de dependentes. EFE wgm/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG