Feira de Paris abre hoje com invenções cada vez mais curiosas

Paris, 30 abr (EFE).- A Feira de Paris, encontro obrigatório para inventores e de onde saíram no passado produtos como o lava-louças, o ferro a vapor, a caneta, as lentes de contato e as bolinhas de gude, abre hoje suas portas na capital francesa.

EFE |

A maior parte das 500 invenções que os 700 mil visitantes esperados pelos organizadores da 104ª edição da feira poderão ver mostra avanços tecnológicos para melhorar os produtos que já existem no mercado, como veículos mais eficientes energeticamente, fogões móveis e câmeras de vídeo descartáveis.

No entanto, também há propostas cuja criação está essencialmente em uma grande dose de engenhosidade: invenções que não precisam de formação técnica elevada ou não acompanham as últimas novidades em avanços tecnológicos.

Nesta categoria de inovações pode-se incluir o segurador de ostras, para evitar que os apreciadores deste molusco machuquem as mãos ao abri-los, ou uma invenção que segura a janela de modo que ela fique aberta, sem ficar batendo por causa do vento.

Mais elaborados, mas igualmente práticos, são a lâmpada Only Pure, equipada com um gerador de íons que reduz a eletricidade estática e melhora a qualidade do ar, e o refrigerador VidéoMémo, no qual se pode deixar mensagens gravadas em vídeo ao invés de simples bilhetes pregados com um ímã.

Todos eles concorrerão no dia 11 ao prêmio Lépine, concedido à melhor inovação apresentada na feira.

Também competirão o refrigerador ambulante que, sem bateria, tomada e gelo, conserva geladas 12 latas por oito horas, a janela anti-ruído de chuva, duas vezes mais silenciosa, e o encosto de cabeça de praia, que parece uma mini-cadeira de pescador e permite ao usuário ler confortavelmente sem ficar de joelhos ou com os cotovelos apoiados na areia. EFE jaf/wr/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG