Washington, 11 nov (EFE).- A presidente da Corporação Federal de Seguros de Depósitos (FDIC), Sheila Bair, considerou hoje insuficientes os esforços do Governo dos Estados Unidos e da indústria imobiliária para ajudar os devedores de hipotecas.

Os esforços consistem em um plano, no qual participam as firmas Fannie Mae, Freddie Mac e outras empresas hipotecárias, que reduziria as taxas de juros sobre a dívida atual para que o pagamento de hipoteca não supere 38% da renda do proprietário.

A iniciativa permitirá renegociar os termos das hipotecas dos indivíduos com uma inadimplência de 90 dias ou mais.

Segundo Bair, o novo plano "é um passo na direção correta, mas não é suficiente para cobrir o que é necessário.

Anteriormente, Bair tinha dito que o Governo precisaria aumentar seus esforços para ajudar dezenas de milhares de atuais proprietários de imóveis que tentam impedir a execução de suas hipotecas. EFE ojl/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.