Um jordaniano de 19 anos foi preso nesta quinta-feira nos Estados Unidos após deixar um carro com uma bomba (desativada) diante de um prédio no centro de Dallas (Texas), informou o departamento de Justiça.

Hosam Maher Husein Smadi foi acusado de tentativa de uso de arma de destruição em massa e deve comparecer a um tribunal federal nesta sexta-feira.

Se for condenado, o jovem corre o risco de pegar prisão perpétua.

O jovem, residente ilegal nos Estados Unidos, havia "manifestado, por várias vezes, seu desejo de fazer a Jihad de forma violenta".

O FBI montou então uma operação secreta, na qual agentes disfarçados fizeram o papel de cúmplices de Husein Smadi e garantiram que a bomba fosse inofensiva.

A população não correu risco em nenhum momento, destacou o procurador federal James Jacks, afirmando que "a prioridade do FBI e do departamento de Justiça é impedir um novo atentado terrorista nos Estados Unidos".

cel/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.