FBI desmantela redes de prostituição infantil nos EUA

Washington - Várias redes de prostituição infantil dos Estados Unidos foram desmanteladas esta semana após a detenção de mais de 300 pessoas vinculadas a estas organizações, informou hoje o FBI (polícia federal americana).

EFE |

As detenções, em alguns casos de adultos que obrigam crianças a se prostituíram, foram realizadas em uma série de batidas em 16 cidades dos EUA.

O diretor do FBI Robert Müller assinalou que no total foram detidas 345 pessoas, incluindo 290 prostitutas adultas, durante a Operation Cross Country, que aconteceu durante cinco dias.

Fontes do Departamento de Justiça americano revelaram que foram resgatadas 21 crianças, muitos das quais eram obrigadas a se prostituírem.

"Não temos obrigação mais importante que a de proteger nossas crianças e salvaguardar sua inocência", disse Müller.

"No entanto, o tráfico sexual de crianças continua sendo um dos crimes mais violentos e imperdoáveis deste país", acrescentou.

Segundo as mesmas fontes, o problema, que existe apenas nos EUA, se agravou nos últimos anos devido à existência de redes de prostituição infantil que utilizavam a internet para divulgar o que faziam.

Segundo um estudo da Universidade da Pensilvânia, estima-se que nos EUA há cerca de 300 mil crianças que correm risco de acabar em uma rede de prostituição infantil.

    Leia tudo sobre: prostituição

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG