Fay deixa quatro mortos e mais de 12 mil refugiados na República Dominicana

Quatro pessoas morreram e mais de 12 mil abandonaram suas casas devido às chuvas torrenciais provocadas pela tempestade tropical Fay, que atingiu na sexta-feira a República Dominicana, informaram neste domingo os organismos de resgate.

AFP |

Esther Jiménez Almonte, de 34 anos, e dois sobrinhos menores de idade, morreram afogados na noite de sexta-feira quando tentavam cruzar o rio El Cajero, no município de Higüey, 163 km a leste de Santo Domingo, informou a Polícia Nacional.

Milton Aybar também morreu afogado neste município, disse no domingo o Centro de Operações de Emergências (COE). Fay se transformou em tormenta tropical na sexta-feira, quando se deslocava pela República Dominicana.

Fay também cruzou o Haiti, que entrou em alerta vermelho e com várias áreas debaixo d'água, onde matou uma pessoa e deixou outra desaparecida, segundo a Defesa Civil.

No momento, a tempestade tropical castiga com chuvas fortes as zonas orientais de Cuba e ameaça ganhar força de furacão antes de chegar à Flórida, depois de atravessar a ilha pelo centro.

Com ventos máximos de 85 km/h, Fay se desloca a 20 km/h e deve atravessar Cuba durante a madrugada desta segunda, antes de rumar para a Flórida, onde pode chegar à noite.

Essa é a sexta tempestade tropical da temporada de furacões, que se inicia em 1º de junho e se estende por seis meses.

Leia mais sobre tempestade tropical

    Leia tudo sobre: tempestade tropical

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG