Fatah tem primeiro judeu em sua direção

Um judeu de nacionalidade israelense, o militante antissionista Uri Davis, foi eleito pela primeira vez para integrar a direção do Fatah, anunciou o movimento liderado pelo presidente palestino, Mahmud Abbas.

AFP |

Aos 66 anos, Davis, professor de Sociologia na Universidade de Al Qods, na periferia de Jerusalém Oriental, na Cisjordânia, foi eleito para integrar o Conselho Revolucionário do Fatah.

"Tenho as nacionalidades israelense e britânica, mas me considero antes de mais nada palestino", declarou à AFP em hebraico Davis. A votação aconteceu no domingo passadom nas os resultados só foram divulgados neste sábado.

O professor afirmou que deseja representar no Conselho Revolucionário centenas de militantes não árabes que participaram na luta palestina.

Davis é membro do Fatah desde 1984 e iniciou a vida política nos anos 60 como militante de defesa dos direitos humanos, comprometido com a luta contra os confiscos de terras pertencentes à minoria árabe.

Davis denuncia regularmente que Israel é um "Estado de apartheid" e defende a cruação de um "Estado democrático comum com os palestinos".

Ele vive na Cisjordânia e é casado com uma palestina.

na-ms/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG