Familiares das vítimas e sobreviventes participaram nas homenagens pelo terceiro aniversário dos atentados contra Londres, que deixaram 56 mortos, entre eles os quatro camicases.

O prefeito de Londres, Boris Johnson, e a ministra britânica para os Jogos Olímpicos, Tessa Jowell, se uniram aos familiares das vítimas numa cerimônia realizadana estação de metrô de King Cross, onde explodiu a primeira bomba, em 7 de julho de 2005, às 07h50 GMT.

"Honramos a memória dos que morreram em 7 de julho de 2005, e saudamos o valor dos que ficaram feridos", afirmou Johnson em uma nota oficial acompanhada de um ramo de flores depositado na estação.

Os sobreviventes e as famílias das 52 vítimas também visitaram outros lugares dos atentados.

ame/eg/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.