Família de Gandhi feliz com resultado de leilão

Um bisneto de Mahatma Gandhi manifestou felicidade nesta sexta-feira depois que um milionário indiano comprou, na quinta-feira, os objetos que haviam pertencido a seu ilustre antepassado durante um polêmico leilão em Nova York.

AFP |

"Estou aliviado porque estes bens foram salvos para a Índia e feliz por retornarem à Índia para as gerações de indianos", declarou à AFP Tushar Gandhi, que dirige a Fundação Mahatma Gandhi de Mumbai.

O magnata indiano Vijay Mallya, dono da United Breweries, pagou 1,8 milhão de dólares por um lote composto pelos óculos redondos de Gandhi, um relógio de bolso, sandálias de couro, uma tigela e um prato.

"A intervenção de Mallya foi milagrosa e inesperada", afirmou o bisneto de Gandhi, que havia denunciado que o leilão organizado pela Antiquorum Auctioneers era um "grave insulto" à memória do pai da independência indiana.

O leilão provocou polêmica entre o governo indiano e o homem que se apresentou como proprietário dos objetos, James Otis, um militante pacifista de Los Angeles.



    Leia tudo sobre: gandhi

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG