Facebook anuncia mais poder aos usuários sobre mudanças no site

San Francisco, 26 fev (EFE).- A rede de relacionamentos sociais na internet Facebook reagiu às recentes críticas sobre as últimas mudanças de funcionamento que tinha feito e hoje anunciou que os usuários terão mais controle sobre o portal e poderão, inclusive, votar em suas futuras políticas de funcionamento.

EFE |

Em entrevista, Mark Zuckerberg, fundador do Facebook, disse que essas e outras mudanças que ainda estão sendo realizadas tem o propósito de "abrir a rede social para que os membros possam participar significativamente" do futuro do portal.

Zuckerberg disse que, com a medida, o Facebook busca se tornar mais democrático e dá um passo importante rumo à abertura, após as críticas contra a modificação feita há duas semanas aos termos de uso.

A polêmica começou quando as novas condições davam ao Facebook, que possui 175 milhões de usuários, controle sobre a informação publicada pelos membros na página, inclusive se estes tivessem deixado o portal.

Após milhares de protestos e muitas contas canceladas, o Facebook voltou aos antigos termos de uso e anunciou uma revisão a fundo do processo.

As principais novidades divulgadas hoje permitirão aos usuários da rede social comentar e votar sobre as futuras normas da firma que tenham a ver com seu funcionamento.

No entanto, o Facebook continuará tendo o controle sobre as mudanças que serão submetidas à votação.

Os membros da rede social podem publicar suas opiniões sobre os princípios até 29 de março.

Depois, o Facebook as estudará e incorporará as ideias em uma nova lista de princípios. EFE pg/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG