Fabiana Murer diz que nervosismo atrapalhou seus saltos

Redação Central, 18 ago (EFE).- Após ser desclassificada da final do salto com vara nos Jogos Olímpicos de Pequim, a brasileira Fabiana Murer disse que o incidente com o sumiço de seu equipamento gerou uma tensão que atrapalhou seu desempenho na prova.

EFE |

"O nervosismo que passei naquela hora atrapalhou. Tentei voltar para a prova, me concentrar, mas foi difícil. Estava super bem antes disso tudo acontecer. Nunca vamos saber o que poderia ter acontecido nessa noite", assinalou Fabiana ao site do Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

Dona da terceira melhor marca do ano, 4,80m, Fabiana sofreu com um problema inusitado momentos antes de sua segunda tentativa: uma de suas varas estava desaparecida.

A atleta ficou transtornada e discutiu com a organização.

Enquanto sua vara permanecia sem ser encontrada, Fabiana chegou a interromper a prova, impedindo que a chinesa Gao Shuying realizasse seu salto.

"Era uma vara essencial para fazer duas alturas, tanto os 4,55m como os 4,65m. Era necessário que fosse um equipamento mais fraco", justificou O técnico de Fabiana, Elson Miranda de Souza, ressaltou que o fato de ela ter que tentar direto a altura de 4,65m, em vez de 4,55m, atrapalhou o desempenho dela.

"Não é bom fazer isso. O ideal é você passar uma altura após a outra e crescer gradativamente na prova. Mas se ela passasse os 4,65m daria mais tranqüilidade pra ela", comentou ao site do COB.

EFE rd/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG