FAB planeja levar famílias de vítimas do voo AF 447 a Recife

As famílias das vítimas do Airbus A330 da Air France devem ser levadas pela Força Aérea Brasileira para Recife, e não a Fernando de Noronha, base das operações de busca, informou nesta quinta-feira o Centro Integrado de Controle Aéreo (Cindacta).

AFP |

"A Aeronáutica está pronta para recebê-los em Recife. Não há informação em Fernando de Noronha que não exista também em Recife, porque é onde está centralizada toda a operação", disse o porta-voz do Cindacta.

"Não há necessidade de instalá-los em Fernando de Noronha porque em Recife terão acesso a mesma informação, sem demora".

Mais cedo, o parente de uma das vítimas, Nelson Farias Marinho, disse que a FAB levaria as famílias a Fernando de Noronha".

O grupo deve partir às 07H00 local para Fernando de Noronha, regressando na noite do mesmo dia, informou Marinho à imprensa, após se reunir no Rio com o chanceler francês, Bernard Kouchner.

"Queremos ver como prosseguem as operações de busca, como estão fazendo as buscas, é importante para nós", explicou Marinho.

Na quarta-feira, o ministro da Defesa, Nelson Jobim, disse que "se fosse necessário, a Aeronáutica poderia organizar, talvez, um voo sobre a zona das buscas" com parentes das vítimas.

O Airbus da Air France, com 228 pessoas a bordo, desapareceu quando sobrevoava o Atlântico na noite de domingo, na rota Rio-Paris.

arc/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG