Tamanho do texto

O ex-secretário-geral da ONU Kofi Annan defendeu nesta terça-feira em Genebra uma justiça climática ao pedir aos poluidores que paguem pelos danos causados ao clima, para que os pobres não sejam ainda mais prejudicados.

Na abertura da primeira conferência organizada pelo Fórum Mundial Humanitário, criado e presidido por Annan, o ex-secretário-geral pediu a criação de um fundo para ajudar a adaptação das comunidades mais vulneráveis ao aquecimento climático.

"Devemos fazer uma justiça climática. Como comunidade internacional, devemos reconhecer que os poluidores devem pagar e não os mais pobres e mais vulneráveis", afirmou Annan.

O Fórum analisará durante dois dias a forma de associar política, economia, diplomacia e desenvolvimento para adaptar a sociedade à mudança climática, que segundo Annan "é um dos mais importantes desafios de nosso tempo".

hmn/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.