Ex-refém das Farc busca candidatura presidencial na Colômbia

Bogotá, 5 jan (EFE).- O ex-chanceler e ex-refém das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) Fernando Araújo revelou que pretende ser candidato presidencial pelo Partido Conservador nas próximas eleições no país.

EFE |

Araújo, que em 5 de janeiro de 2007 concluiu uma fuga que lhe permitiu recuperar a liberdade após quase seis anos em poder da guerrilha, assegurou ao diário "El Tiempo" que não é conveniente para seu país modificar novamente a Constituição, para uma nova reeleição do presidente Álvaro Uribe.

O ex-ministro disse que o Partido Conservador, que faz parte da coalizão governante, deveria começar "a armar um processo para buscar seu próprio candidato presidencial".

"Eu também pretendo estar (entre os candidatos conservadores), para que todos possam dar sua opinião sobre como deveria ser esse pleito", afirmou.

Araújo acrescentou que Uribe terá seu voto caso se apresente para uma segunda reeleição, mas disse que institucionalmente a idéia de mudar a Constituição "não é boa" para o país. EFE fer/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG