Ex-preso em Guantánamo se torna comandante do Taleban

Representantes do Taleban no Afeganistão confirmaram, nesta quinta-feira, que um ex-detento da prisão de Guantánamo se tornou um dos principais comandantes da milícia no sul do país. O mulá Abdullah Zakir tem comandado batalhas contra as tropas britânicas na província de Helmand, de acordo com o Taleban.

BBC Brasil |

O ex-prisioneiro de Guantánamo estaria comandando militarmente o grupo na região e em outras províncias do sul do Afeganistão.

Abdullah ficou detido em Guantánamo por seis anos até dezembro de 2007, quando foi entregue a oficiais afegãos e depois solto.

O correspondente da BBC em Cabul, Martin Patience, diz que o comando do Taleban afirmou que a libertação de Abdullah foi bastante positiva para o movimento.

No mês passado, o governo da Grã-Bretanha havia dito à BBC que Abdullah seria um dos responsáveis por ataques a tropas britânicas e da Otan no Afeganistão.

Segundo integrantes do governo britânico, ele comandaria as operações a partir da cidade paquistanesa de Quetta, de onde atua impunemente.

Abdullah é originário de Helmand, província violenta, considerada o maior reduto do Taleban e onde a maior parte das tropas britânicas está localizada.

No início da semana, o comandante americano no Afeganistão, David McKiernan, disse que a coalizão liderada pelos Estados Unidos não está vencendo a guerra em vastas áreas do sul afegão.

O governo americano pretende enviar milhares de soldados a mais para a região nos próximos meses para reforçar a luta contra o Taleban.

O Pentágono afirma que mais de 10% dos 520 detidos em Guantánamo que já foram liberados voltaram a exercer atividades consideradas "terrorismo" pelos Estados Unidos - o que dificulta os esforços para libertar e repatriar os ainda detidos.

Logo após assumir o cargo em janeiro, o presidente americano, Barack Obama, assinou um decreto que determina o fechamento dentro de um ano da polêmica prisão de Guantánamo.


Leia mais sobre Guantánamo - Taleban

    Leia tudo sobre: guantánamo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG