Ex-presidente Khatami pede referendo sobre governo do Irã

Por Zahra Hosseinian TEERÃ (Reuters) - O ex-presidente iraniano Mohammad Khatami propôs que se realize um referendo sobre a legitimidade do governo do Irã, num desafio ao líder vencedor da polêmica eleição presidencial de junho.

Reuters |

O Irã tem sido palco de protestos desde a votação polêmica que resultou na reeleição do presidente Mahmoud Ahmadinejad no dia 12 de junho.

Na sexta-feira, houve novos confrontos na área central de Teerã entre a polícia e manifestantes reformistas pela primeira vez em semanas.

"A única saída para a atual situação é a realização de um referendo", afirmaram sites na Internet nesta segunda-feira em declarações atribuídas ao reformista Khatami.

"As pessoas devem ser consultadas se estão felizes com a atual situação ... Se a grande maioria da população estiver feliz com a situação atual, nós aceitaremos também."

O resultado da eleição, que deu vitória esmagadora a Ahmadinejad, provocou os maiores protestos no país desde a Revolução Islâmica em 1979, que deixaram um saldo de ao menos 20 mortos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG