Ex-presidente de Portugal espera que libertação de Betancourt ajude a paz

Lisboa, 3 jul (EFE).- O ex-presidente de Portugal Mário Soares disse hoje à Agência Efe que a libertação de Ingrid Betancourt e mais 14 reféns das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) pode contribuir para alcançar a paz na Colômbia e diminuir a pressão sobre as negociações entre o Governo e a guerrilha.

EFE |

Soares se mostrou "surpreso" diante desta "notícia inesperada", após as tentativas de mediação dos presidentes da França, Nicolas Sarkozy, e da Venezuela, Hugo Chávez.

O ex-presidente português felicitou todos os envolvidos nesta operação, realizada pelo Exército da Colômbia, e disse que esta notícia o "enche de felicidade", já que o estado de saúde da recém-libertada é delicado.

O ex-chefe do Estado português considerou que as Farc, que qualificou de "inegável grupo terrorista", ficam enfraquecidas com esta libertação. EFE abm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG