Ex-presidente colombiano propõe referendo para destituir o Congresso

Bogotá, 1 mai (EFE).- O ex-presidente colombiano Ernesto Samper afirmou hoje que o Congresso de seu país perdeu toda a legitimidade pela ligação de vários legisladores com paramilitares e propôs um referendo que destitua os atuais parlamentares e convoque eleições antecipadas.

EFE |

O ex-líder (1994-1998) - que comparou a atual crise no Congresso com uma doença - disse que ela só poderá ser controlada com uma reforma política e que requer mudanças profundas, como a convocação antecipada de eleições.

"A falta de credibilidade do Congresso só pode ser solucionada com um referendo que destitua os legisladores e o renove por cinco anos", disse Samper durante um fórum sobre o também ex-presidente Alfonso López Michelsen (1913-2007), na cidade de Valledupar (norte).

Um total de 63 congressistas e ex-legisladores colombianos são investigados pela Corte Suprema por supostos nexos com paramilitares, sendo que 32 deles estão detidos, em um escândalo denominado de "parapolítica".

"Na base está a perda de legitimidade do Congresso e isso me preocupa porque o que faz a diferença entre uma democracia e uma ditadura é o Congresso, e com o que temos o que era para caminhar sobre três pilares esta caminhando sobre dois", concluiu Samper. EFE fer/fb

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG