Jerusalém, 30 ago (EFE).- Após meses de investigações que o obrigaram a renunciar ao cargo em setembro do ano passado, o ex-primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, foi acusado por vários casos de corrupção.

EFE aca/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.