Expositores do Fashion Rio esperam aumentar vendas em 20%

Rio de Janeiro, 10 jan (EFE).- Os estilistas com produtos expostos no Rio-à-Porter, um salão de negócios de moda e design paralelo à semana da moda no Rio de Janeiro, esperam aumentar suas vendas em 20% em relação à edição de janeiro de 2009.

EFE |

Caso a previsão dos organizadores se cumpra, os 169 desenhistas de roupas, calçados, acessórios e adereços que expõem suas novas coleções no evento terão encomendas de R$ 450 milhões este ano.

Os números foram divulgados neste domingo pelos organizadores do Rio-à-Porter, que este ano, em sua 16ª edição, apresenta as tendências para o outono-inverno de 2010.

A primeira edição do Rio-à-Porter abriu suas portas hoje, dois dias depois do primeiro dia de desfiles da semana da moda do Rio, e se estenderá até a próxima quarta-feira.

Os organizadores esperam cerca de três mil visitantes nos quatro dias de exposição, principalmente de proprietários de lojas de roupas e importadores estrangeiros.

A exposição foi montada em uma área de 8.250 metros quadrados que ocupa os armazéns 5 e 6 do Cais do Porto, no Rio de Janeiro, onde também acontecem os desfiles da semana da moda.

O otimismo dos expositores obedece à recuperação da economia e ao fato de que, apesar de a crise financeira global ter reduzido as exportações brasileiras de moda, os estilistas do Rio de Janeiro foram os menos afetados.

As exportações brasileiras do setor moda somaram US$ 147 milhões no ano passado, com uma redução de 33,63% frente às de 2008. Mas enquanto as vendas externas dos estilistas do Rio de Janeiro caíram 12%, em outros estados o recuo foi significativamente superior.

Nos estados de São Paulo e Santa Catarina, os maiores exportadores de moda do país, à frente do Rio de Janeiro, a queda foi de 30%.

"Nossa perspectiva é de que, no atual ambiente, voltemos a crescer. Não acho que recuperemos o ritmo anterior à crise, com expansões das exportações de 10% ao ano, mas que vamos crescer", disse o gerente de negócios internacionais da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Fiesp), João Paulo Alcântara.

O Fashion Rio, com desfiles de 27 estilistas, prosseguirá até a quarta-feira e tem como novidades a apresentação pela primeira vez das marcas Andréa Marques, R.Groove, Nica Kessler, Patachou e New Order. EFE cm/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG